Plantas Medicinais

Urucum – o que é, benefícios e efeitos colaterais!

urucum

O urucum é usado como ingrediente tradicional nas cozinhas mas também possui, diversas propriedades eficazes para tratar diversas condições. Além disso, as sementes são moídas para formar um pó de modo a torná-lo utilizável para fins culinários.

Seu pigmento também é usado para dar cor ao arroz. Além disso, também é acrescentando em molhos e condimentos para realçar o sabor, bem como para dar cor a diversas preparações na culinária.

urucum
urucum

O que é urucum?

Urucum é um condimento alimentar natural que é extraído das sementes do fruto do achiote. A árvore do achiote, é um arbusto tropical ou pequena árvore que cresce na América Central e do Sul.

As flores desta árvore tropical são brancas ou rosa brilhante, mas a fruta é realmente a parte mais desejável da planta, composta por vagens castanhas e vermelhas espetadas que crescem em cachos.

Quando essas vagens secam e se abrem, elas expõem sementes de cor vermelha, das quais o pigmento vermelho pode ser extraído.

É por isso que a árvore do achiote é frequentemente chamada de árvore do batom. É também chamada de chitoe, onoto, bija, colorau, urucum ou atsuete em diferentes regiões.

Para que serve o urucum:

Desde os dias tradicionais até os tempos modernos, o urucum tem sido usado para diferentes propósitos. Além disso, as indústrias de beleza e cuidados com a pele usam esse produto em cosméticos e em produtos para cuidados pessoais, devido a adição de cor e de propriedades antimicrobianas.

É utilizado como repelente de moscas e para dar cor a cápsulas, vitaminas e pílulas. Além disso, ele ainda pode ser usado para curar dores de cabeça, as folhas de urucum esmagadas, misturadas com óleo de coco, são aplicadas na testa para tratar dores de cabeça.

A pasta e a forma em pó são usados ​​em uma variedade de cozinhas, incluindo as da Jamaica, Caribe e América Latina, para dar sabor, cor e aroma inovador. Além disso, suas sementes também são usadas para fazer óleo, que é um ingrediente essencial em muitos pratos asiáticos, além disso, devido sua cor é usado ​​para marinar a carne.

Benefícios do urucum para saúde:  

1. Antimicrobiano: 

O urucum, devido aos seus poderosos antioxidantes, possui propriedades antimicrobianas e pode matar vários patógenos e bactérias no corpo. Além disso, é muito eficaz contra várias doenças transmitidas por alimentos.

2. Digestão saudável:

O Alto nível de fibra encontrado nas sementes de urucum, assim como as folhas comestíveis da planta de achiote, é bom para a digestão.

Promove a passagem suave de alimentos através do intestino e a absorção eficiente de nutrientes. Além disso, a fibra também ajuda a reduzir o colesterol e a controlar o diabetes, pois pode ajudar a otimizar os níveis de insulina e glicose no sangue.

3. Fortalece ossos:

Um nível significativo de cálcio encontrado torna-o importante, se você quiser complementar sua densidade mineral óssea e garantir a força e a durabilidade com a idade. Contudo, também ajuda a prevenir a osteoporose.

4. Previne defeitos congênitos:

Há uma quantidade impressionante de ácido fólico encontrada no urucum, e embora haja muitos benefícios importantes dessa vitamina para a saúde. Além disso, a prevenção de defeitos do tubo neural em recém-nascidos talvez seja um dos mais importantes.

As mulheres grávidas são encorajadas a aumentar seus níveis de ácido fólico para evitar esses tipos de condições.

5. Melhora saúde dos olhos:

O Alto teor de carotenoides, presente, funciona como antioxidante no sistema ocular e previne o desenvolvimento de catarata, além de impedir a degeneração macular, mantendo sua visão forte por anos.

6. Cuidados com a pele:

O urucum é uma solução antienvelhecimento para a sua pele, a pasta feita a partir das sementes pode ser aplicada topicamente para reduzir os sinais de rugas, manchas e outras imperfeições, ao mesmo tempo que endurece a pele, fazendo-a parecer mais jovem.

7. Cura feridas:

A pasta pode ser aplicada para acelerar o processo de cicatrização, para queimaduras ou ferimentos na pele, ou irritação da pele de qualquer tipo.

8. Alivia problemas de estômago:

O urucum é frequentemente consumido para acalmar uma dor de estômago. Além disso, ele também funciona no tratando de azia e desconforto, combatendo infecções virais.

9. Propriedades expectorantes:

Sementes, são usadas ​​para curar distúrbios relacionados ao muco, limpando o muco dos pulmões, combate tosse, asma e bronquite.

10. Propriedades diuréticas:

Folhas de urucum, devido às suas propriedades diuréticas, proporcionam melhor funcionamento dos rins. Além disso, consumir diariamente o pó das folhas secas protege-o de vários danos renais irreversíveis, bem como de malária e febre.

11. Ajuda tratar a gonorreia:

Urucum é benefício, para aqueles que sofrem de condições dolorosas e embaraçosas, portanto, usar sua pasta, pode ser muito eficaz.

12. Potencial anticancerígeno:

Norbixin é um dos pigmentos encontrados em sementes, e é conhecido por ser um poderoso antioxidante ajudando a prevenir e combater uma variedade de câncer.

Efeitos colaterais:

As pessoas que são hipersensíveis podem apresentar reações alérgicas, algumas podem até sofrer de anafilaxia.

Mulheres altamente sensíveis podem ser alérgicas ao urucum. Portanto, mulheres grávidas e lactantes são aconselhadas a consultar um médico antes de consumi-lo. Pessoas que sofrem de síndrome do intestino irritável (SII) podem piorar suas condições se consumirem.

O urucum pode aumentar ou diminuir os níveis de açúcar no sangue no corpo. Portanto, os diabéticos devem consultar um médico antes de adicioná-lo à sua dieta. Além disso, evite o uso se você for passar por alguma cirurgia em um futuro próximo, pois pode afetar os níveis de açúcar no sangue de forma bastante dramática.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário