Dicas de Saúde

12 benefícios do guaraná para saúde!

quais os benefícios do guaraná?

O guaraná possui vários benefícios incluindo a capacidade de queimar gordura e aumentar a energias. Seu uso comum de guaraná é em bebidas energéticas. Além disso, o guaraná é uma planta brasileira que é nativa da região amazônica do Brasil. Também popular como Paullinia cupana, é uma planta trepadeira que tem uma valorização por seus frutos.

O fruto maduro do guaraná possui o tamanho de uma fruta de café. É semelhante ao olho humano, com uma concha vermelha envolvendo uma semente negra com um arilo branco por cima.

O extrato de guaraná é produzido através das sementes em pó. As tribos amazônicas utilizam o guaraná há muito tempo por suas propriedades terapêuticas naturais.

quais os benefícios do guaraná?
quais os benefícios do guaraná?

O guaraná possui uma gama impressionante de estimulantes, como a teofilina, teobrimina e cafeína. Ele ainda contém antioxidantes, como taninos, catequinas e saponinas.

Hoje, mais de 65% do guaraná produzido é usado pela indústria de bebidas, como energéticos e refrigerante, enquanto os mais de 20% restantes são transformados em pó.

Quais os benefícios do guaraná?

1. Rico em antioxidantes:

O guaraná é cheio de compostos que têm propriedades antioxidantes. Estes incluem teobromina, cafeína, saponinas, catequinas e taninos. De fato, o ele tem um perfil antioxidante semelhante ao do chá verde.

Antioxidantes são essenciais porque neutralizam moléculas potencialmente perigosas denominados como radicais livres. Essas moléculas podem agir com partes de suas células e trazer danos ligados ao envelhecimento, câncer, doenças cardíacas e outras doenças.

2. Pode reduzir a fadiga e melhorar o foco:

O fruto é mais conhecido como ingrediente em bebidas energéticas como citamos no começo deste artigo. Ele possui uma excelente fonte de cafeína, que ajuda a manter a energia mental e o foco. O fato é, as sementes de guaraná podem ter de quatro a seis vezes mais cafeína que os grãos do café.

A cafeína age proibindo os efeitos da adenosina, um composto que ajuda o cérebro no relaxamento. Liga-se aos receptores de adenosina, impedindo que sejam ativados.

Um estudo mostrou que os indivíduos que tomavam um suplemento vitamínico contendo guaraná se sentiam menos fadigados enquanto completavam variações de exercícios, em comparação com aqueles que somente tomavam placebo.

Curiosamente, os estudos também mostrou que o guaraná pode diminuir a fadiga mental devido ao tratamento do câncer, sem efeitos colaterais significativos.

3. Pode ajudar no aprendizado:

Um estudo descobriu que a fruta pode ajudar a melhorar sua capacidade de se lembrar e de aprender. Além disso, outro estudo analisou os efeitos de diferentes doses de guaraná no humor e na aprendizagem. Os participantes receberam 75 mg, 37,5 mg, 300 mg ou 150 mg de guaraná.

Os indivíduos que receberam 37,5 mg ou 75 mg da fruta chegaram as pontuações mais altas nos testes. Como doses baixas da fruta fornecem baixas quantidades de cafeína, acredita-se que outros compostos no guaraná, além da cafeína, possam ser parcialmente responsáveis.

Outro estudo assemelhou o guaraná ao ginseng, outro composto que estimula o cérebro. Embora tanto a fruta quanto o ginseng tenham melhorado a memória e o seu desempenho, os indivíduos que receberam o guaraná prestaram mais atenção às suas tarefas e as completaram mais rapidamente.

4. Pode promover a perda de peso:

A obesidade é um problema que cresce e preocupa, pois tem sido associada a muitas doenças crônicas, incluindo diabetes tipo 2, câncer e doenças cardíacas. Curiosamente, a fruta pode ter propriedades que ajudam a promover
a perda de peso.

Primeiro, o guaraná é uma rica fonte de cafeína, que pode ajudar a aumentar o seu metabolismo em 3-11% em apenas 12 horas. Um metabolismo acelerado significa que seu corpo queima mais calorias em quanto está em repouso.

Além disso, estudos mostraram que a fruta pode suprimir genes que auxiliam na produção de células adiposas e promovem genes que reduzem sua velocidade. No entanto, os efeitos do guaraná sobre a produção de células adiposas em humanos ainda não estão claros.

5. Pode aliviar a diarreia crônica e tratar a constipação:

A fruta também tem sido usado há muito tempo como um tônico estomacal natural para tratar problemas digestivos como constipação e diarreia crônica. Ele pode ter propriedades antidiarreicas porque é rico em antioxidantes ou taninos à base de plantas.

Taninos são populares por sua adstringência, o que significa que podem se ligar e contrair tecidos. Isso permite que os taninos impermeabilizem as paredes do trato digestivo, limitando a quantidade de água que é secretada nos intestinos. Por outro lado, o fruto é rico em cafeína, que pode atuar como um laxante natural.

6. Pode aumentar a saúde do coração:

As doenças cardíacas são responsáveis por uma em cada quatro mortes na América. Porém, o guaraná pode diminuir o risco de doenças cardíacas de duas maneiras. Primeiro, os antioxidantes encontrados no guaraná parecem ajudar no fluxo sanguíneo e podem prevenir coágulos sanguíneos.

Segundo, pesquisas descobriram que a fruta pode diminuir a oxidação do colesterol “ruim”. O colesterol ruim oxidado pode contribuir para o acúmulo de placa nas artérias. De fato, adultos que consomem a fruta podem ter até 27% menos LDL oxidado do que adultos de idade similar que não comem essa fruta.

guaraná pode aumentar a saúde do coração
guaraná pode aumentar a saúde do coração

7. Pode fornecer alívio da dor:

Historicamente, o guaraná era utilizado pelas tribos amazônicas como analgésico. As propriedades de alívio da dor da fruta são devido ao seu alto teor de cafeína. A cafeína desempenha uma função no tratamento da dor, uma vez que liga e bloqueia os receptores de adenosina.

Dois desses receptores – A1 e A2a – estão envolvidos no estímulo à sensação de dor. Quando a cafeína se liga a esses receptores, ela pode reduzir as sensações de dor.

8. Pode melhorar a aparência da pele:

Devido às suas fortes propriedades antimicrobianas e antioxidantes, o guaraná é conhecido na indústria de cosméticos como ingrediente em cremes antienvelhecimento, loções, produtos capilares e sabonetes.

Além disso, seu teor de cafeína auxilia o fluxo sanguíneo para a pele. Além disso, pesquisas mostraram que os antioxidantes da fruta podem reduzir significativamente os danos à pele relacionados à idade.

9. Pode ter propriedades anti-câncer:

O câncer é uma doença que se caracteriza pelo crescimento descontrolado de células. Estudos em animais mostraram que o guaraná pode nos defender contra danos no DNA, suprimir o crescimento de células cancerosas e até mesmo desencadear a morte de células cancerígenas.

Vale ressaltar que um estudo em camundongos mostrou que aqueles que receberam guaraná tiveram mais de 50% menos células cancerosas e quase um aumento de cinco vezes na morte de células cancerígenas, em comparação com camundongos que não receberam guaraná.

10. Tem propriedades antibacterianas:

O guaraná possui muitos compostos que podem restringir ou matar bactérias nocivas. Uma dessas bactérias é Escherichia coli (E. coli), que vive no intestino de animais e humanos.

A maioria das bactérias E. coli são inofensivas, porém algumas podem trazer diarreia ou doença. Estudos também descobriram que o guaraná pode suprimir o crescimento de Streptococcus mutans (S. mutans), uma bactéria que pode causar cáries dentárias e placas dentárias.

11. Pode proteger contra distúrbios oculares relacionados a idade:

É normal que a visão piore progressivamente com a idade. Coisas como a luz do sol, dieta pobre e certos hábitos de estilo de vida, como fumar, podem desgastar seus olhos ao longo do tempo e aumentar o risco de distúrbios relacionados a eles.

O guaraná possui compostos que combatem o estresse oxidativo, um importante fator de risco para doenças oculares relacionadas à idade, como degeneração macular, glaucoma e catarata.

Um estudo mostrou que os indivíduos que consumiam a fruta regularmente tinham melhor visão do que as pessoas que consumiam moderadamente ou não o consumiam.

protege contra distúrbios oculares relacionados a idade
protege contra distúrbios oculares relacionados a idade

Alguns possíveis efeitos colaterais:

O guaraná possui um excelente perfil de segurança e está amplamente disponível. Estudos mostram que o guaraná tem baixa toxicidade em doses baixas a moderadas.

Em altas doses, o guaraná pode causar efeitos colaterais semelhantes aos do consumo excessiva de cafeína, incluindo:

  1. Convulsões;
  2. Ansiedade;
  3. Palpitações cardíacas;
  4. Insônia;
  5. Dores de cabeça;
  6. Nervosismo;
  7. Estômago irritado;
  8. Tremor.

É importante lembrar que a cafeína pode levar ao vicio e levar à dependência quando consumida em excesso. As mulheres grávidas devem esquivar-se ou limitar o consumo da fruta, pois a cafeína pode atravessar a placenta. Muita cafeína pode trazer anormalidades de crescimento em seu filho ou aumentar o risco de aborto espontâneo.

Embora o guaraná não tenha dosagem recomendada, a maioria das pesquisas em humanos mostrou que doses tão baixas quanto 50-75 mg podem fornecer benefícios para saúde.

Considerações finais:

O guaraná é um ingrediente conhecido em muitos refrigerantes e energéticos. Tem sido utilizado por tribos amazônicas por seus efeitos terapêuticos durante milhares de anos.

O guaraná é geralmente popular por sua capacidade de reduzir a fadiga, aumentar a energia e ajudar na aprendizagem e na memória. Também tem sido agregado a melhor saúde cardíaca, alívio da dor, menor risco de câncer, menor risco de doenças oculares relacionadas à idade e perda de peso.

Está extensamente disponível como suplemento e pode ser facilmente acrescentando em sua dieta. A maioria dos estudos mostram que doses entre 50 e 75 mg de guaraná são suficientes para fornecer benefícios á saúde, embora não haja recomendação oficial de dosagem. Caso queira elevar seus níveis de energia ou simplesmente melhorar a saúde do corpo, vale a pena tentar o guaraná.

Sou nutricionista e Personal Trainer. Me formei pela Universidade Federal do Tocantins em 2002, com registro profissional no CRN-4 nº 1509723, tenho especialização em Nutrição Esportiva, Treinamento Físico e treinos Curto de alta intensidade.

Deixe um comentário