Doenças e Distúrbios

Epilepsia- o que é, causas, sintomas e tratamentos naturais!

epilepsia

A epilepsia é um distúrbio neurológico, que causa convulsões recorrentes. Considerando que a epilepsia causa convulsões frequentes, ela também pode se apresentar em pessoas quando essas olham fixamente para o espaço, tem muitas convulsões e também contraem os braços.

Faz com que à atividade do cérebro se torne anormal e causa convulsões. Esse distúrbio do sistema nervoso central pode desencadear períodos de comportamento e sensação incomuns e, em alguns casos, até mesmo perda de consciência.

epilepsia causas
epilepsia causas

Causas da epilepsia:

  • Genética, histórico familiar da condição;
  • Traumatismo craniano, devido a uma lesão;
  • Condições cerebrais, como tumores cerebrais e derrames;
  • Doenças infecciosas como meningite, AIDS e encefalite viral;
  • Lesão pré-natal que pode resultar em paralisia cerebral ou epilepsia;
  • Transtornos do desenvolvimento como autismo e neurofibromatose.

Sintomas da epilepsia:

Crises repetidas é o principal sintoma associado à epilepsia, uma convulsão que pode se apresentar das seguintes maneiras:

  • Confusão temporária;
  • Perda de consciência;
  • Convulsão;
  • Movimentos involuntários dos braços ou pernas;
  • Sintomas psicóticos como medo, ansiedade ou déjà-vu;
  • Quedas repentinas.

Tratamentos naturais:

1. Vitaminas:

Deficiências na vitamina B6, vitamina E e vitamina D3, podem desencadear convulsões, e a restauração dos níveis pode ajudar na prevenção ou tratamento. O efeito anticonvulsivante da vitamina D3 também regula os sintomas de convulsões.

A administração concomitante de vitamina E junto com drogas antiepilépticas também pode ajudar a melhorar as convulsões associadas a epilepsia. Alimentos ricos nessas vitaminas incluem aves, peixes, ovos, nozes e verduras.

2. Óleo de canabidiol: 

Tome 10 mg de canabidiol de grau farmacêutico diariamente, indivíduos que não apresentaram qualquer melhora em suas crises após tomar antiepilépticos, mostraram notável melhora em seus ataques pelo uso de canabidiol como adjuvante, contudo, consulte um médico antes de tomá-lo.

Formado em Comunicação Social, especialista em jornalismo digital e SEO, responsável por criar diversos projetos na internet, afim de levar conhecimento à todos sobre saúde, beleza, bem estar, natureza e entretenimento.

Deixe um comentário