Chá de Dente de Leão: O Que é, Benefícios, Para Que Serve e Efeitos Colaterais!

Revisado por

Nutrição e Educação Física pela UFT

Especialista do Dicas de Beleza

Chá de Dente de Leão: O Que é, Benefícios do Chá de Dente de Leão, Para Que Serve e Efeitos Colaterais que muitas pessoas não conhecem. Além disso, o Chá de Dente de Leão (ou Chá de Dente-de-Leão) é geralmente uma decoção de raiz de Dente de Leão.

As raízes podem ser torradas e transformadas na própria bebida em questão, mas as folhas de dente de leão são 100% comestíveis e podem ser usadas em saladas, sanduíches ou secas e fermentadas, e também, para preparar chá. Para saber mais desses e outros benefícios do Chá de Dente de Leão continue lendo o artigo até o final.

cha de dente de leao
cha de dente de leao

O Que é o Chá de Dente de Leão:

Dente de Leão (Taraxacum) é uma flor única, que é usada para fazer mel, cerveja, vinho e geleia, reduz os níveis de açúcar no sangue e tem habilidades de regeneração. Na medicina popular é oficial, o Chá de Dente de Leão está ganhando popularidade, por conta de todos os benefícios apresentados abaixo:

Benefícios do Chá de Dente de Leão:

Desintoxica o Fígado: 

A maioria das pesquisas sobre os benefícios do Chá de Dente de Leão para o fígado está centrada no Taraxacum officinale, um extrato de folhas de Dente de Leão que é rico em polifenóis potenciadores da saúde. Um estudo de 2013, feito em ratos, sugere que o extrato de folhas de Dente de Leão pode ser promissor para o tratamento da doença hepática gordurosa não alcoólica relacionada à obesidade.

Fornece Nutrientes Essenciais:

As folhas que são usadas para fazer o Chá de Dente de Leão são ricas em ferro, potássio, folato, magnésio, fósforovitamina C, vitamina K e vitamina B6, tiamina, riboflavina, cálcio e manganês.

Estimula a Diurese:

O dente de leão é tradicionalmente usado na forma de infusão e chá de ervas por sua ação diurética. A ingestão de dente de leão é particularmente útil em caso de edema, retenção de liquido e celulite, pois estimula a diurese e ajuda a neutralizar a estagnação de líquidos.

Melhora a Circulação Sanguínea:

O dente de leão tem uma ação fluidificante no sangue: por esse motivo, parece ser um remédio natural válido no caso de varizes dos membros inferiores. A ação benéfica do dente de leão para a circulação sanguínea também pode ser explorada para o tratamento da celulite e da retenção de liquido.

Saúde da Pele: 

As infusões e decocções (cozimentos) de dente de leão são úteis para tonificar e reafirmar os tecidos e melhorar a aparência da pele. O Chá de Dente de Leão também é usado para acalmar o eczema (irritação da pele) e aliviar as sardas.

Para Que Serve o Chá de Dente de Leão:

O Chá de Dente de Leão promove a perda de peso devido às suas qualidades diuréticas. Ele ajuda a remover o excesso de líquido do corpo, que com excesso de peso é frequentemente retido nas células, interferindo nos processos metabólicos saudáveis.

A bebida pode ser usada como um meio de desintoxicar o fígado. Removendo toxinas do corpo, além disso, a erva contém agentes que fortalecem as células do fígado.

O funcionamento normal do fígado permite uma “quebra mais eficiente” das gorduras provenientes dos alimentos e previne o aumento do colesterol.

Receita do Chá de Dente de Leão:

INGREDIENTES:

  • 1,5 Litro de Água;
  • 100 g de raízes de Dente de Leão.

MODO DE PREPARO:

  • Ferva as raízes de Dente de Leão na água por 5 minutos.

Contraindicações do Chá de Dente de Leão: 

Normalmente, tal bebida pode desencadear o desenvolvimento de uma reação alérgica naqueles indivíduos que são alérgicos a camomila, ambrósia e outras plantas pertencentes a este grupo.

Neste caso, é importante parar completamente de beber o Chá de Dente de Leão, pois pode provocar o desenvolvimento de choque anafilático.

Além disso, o Chá de Dente de Leão é proibido para uso em pessoas com úlcera gástrica, gastrite, bem como outras violações do trato gastrointestinal. Tal bebida pode causar distúrbios gástricos, alta acidez, azia e diarreia.

Além disso, a folha desta planta contém componentes químicos de cumarinas, contribuindo para um aumento do risco de hemorragia, especialmente quando usado com outras drogas com efeito semelhante.

Não há dados suficientes sobre a interação desta planta com outras drogas, incluindo medicamentos antibióticos. Contudo, a maioria das pesquisas provam que, ao usar antibióticos, especialmente os potentes, você precisa consultar um médico sobre como beber o Chá de Dente de Leão. O mesmo se aplica às pessoas que têm baixo nível de açúcar na corrente sanguínea.

VOCÊ PRECISA VER ISSO:

AUTOR: Alan Costa

Sou nutricionista e Personal Trainer. Me formei pela Universidade Federal do Tocantins em 2002, com registro profissional no CRN-4 nº 1509723, tenho especialização em Nutrição Esportiva, Treinamento Físico e treinos Curto de alta intensidade.

DEIXE O SEU COMENTÁRIOS:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários